Cultivar o Desapego



Só existe apego; não existe uma tal coisa a que se possa chamar desapego. A mente inventa o desapego como reacção à dor do apego. Quando vocês reagem ao apego tornando-se «desapegados», isso significa que estão apegados a qualquer outra coisa.

Assim, todo esse processo é um processo de apego. Estão apegados à vossa mulher ou ao vosso marido, aos vossos filhos, a ideias, à tradição o, à autoridade, e assim por diante; e a vossa reacção a esse apego é o desapego. Cultivar o desapego é o resultado da tristeza, da dor. Querem fugir da dor ao apego, e a vossa fuga é encontrarem algo a que pensam que se podem apegar. Portanto, existe apenas o apego. E é uma mente estúpida que cultiva o desapego. Todos os livros dizem; «sejam desapegados», mas qual é a verdade disto? Se observarem a vossa própria mente, poderão ver uma coisa extraordinária – que, ao cultivar o desapego, a vossa mente se está a tornar apegada a uma outra coisa.

A Vida, de J. Krishnamurti, Editorial Presença

#Biblioterapia

list.png