Não resolvemos problemas a pensar


Não resolvemos problemas a pensar; criamos problemas a pensar. A solução aparece sempre quando abandonamos o pensamento e ficamos em silêncio e absolutamente presentes, mesmo que por um único momento. Então, um pouco mais tarde, quando o pensamento volta, de repente temos uma percepção criativa que não existia aí antes.


Largue mão do pensamento excessivo e veja como tudo muda. As suas relações mudam porque não irá exigir que o outro faça algo para ampliar a sua noção de eu, nem se irá comparar com outros para tentar ser mais do que alguém, de modo a reforçar a sua noção de identidade.

Permita a todos serem como são! Não precisa de os mudar; não precisa que eles se comportem de outra forma para poder ser feliz.

O Silêncio no Mundo de Eckart Tolle, edições Pergaminho

#Biblioterapia

list.png