A vida que vem a caminho



Tornar-se consciente

Não há nada fácil em tornar-se consciente. (…) abdicar da responsabilidade para uma fonte exterior, pode parecer, pelo menos num dado momento, muito mais fácil. Assim que percebemos melhor, no entanto, não conseguimos continuar a enganarmo-nos a nós próprios durante muito tempo. Estou inteiramente solidária com as pessoas que se esforçam muito por se libertarem das memórias dolorosas. “Diga-me apenas como, e fa-lo-ei”, dizem-me elas. Estamos sempre à procura da meditação fácil, do exercício fácil, que faça desaparecer a névoa que nos envolve, mas a consciência não funciona dessa maneira. Ironicamente, há uma saída simples, só que só que não é fácil: basta tirar da mente.

Tirem aquilo que pensaram que devia ser a vossa vida e adoptem a vida que está a tentar encontrar caminho para a vossa consciência.

Pág. 282 de Anatomia do Espírito de Caroline Myss, Sinais de Fogo - Publicações

#Biblioterapia

list.png