Poetas e poemas


E vós, verdadeiros poetas, perdoai-nos. Nós pertencemos ao Novo Mundo onde os homens perseguem bens materiais; e também a poesia se tornou um bem de consumo, e não um sopro de imortalidade.

A poesia, meus caros amigos, é uma incarnação sagrada de um sorriso. A poesia é o suspiro que seca as lágrimas. A poesia é um espírito que habita a alma, cujo alimento é o coração e cujo vinho é o afecto. A poesia que não tenha esta forma é um falso messias.

O Profeta e A Arte da Paz de Kahlil Gibran, Sinais de Fogo


#Biblioterapia

list.png