Cristais e Pedras Preciosas - Seu Uso Terapêutico


Desde há muito tempo os cristais e pedras preciosas sempre têm despertado um grande interesse no homem. Seja pela suas cores, seja pelo seu brilho, o fato é que o homem sempre atribuiu a estes minerais propriedades mágicas e de cura.

Nos tempos atuais, houve um renovado interesse, não só pelos cristais e pedras preciosas como também por outros conhecimentos antigos que de alguma forma pareciam esquecidos, mas, que na verdade, podemos perceber agora estavam adormecidos, a espera de uma redescoberta.

Foi então que as propriedades mágicas e terapêuticas dos cristais passaram a despertar novamente enorme interesse. Passou-se assim a pesquisar e a redescobrir todo o potencial que temos a nossa disposição através do seu uso.

Hoje existe uma grande preocupação na aplicação de formas mais naturais de terapias, aquelas que possam tratar sem agredir, que possam de alguma forma promover a reintegração do homem com a natureza da qual ele faz parte. Os cristais atuam desta forma, acrescentando suas vibrações ao nosso campo energético, o que faz com que possamos restabelecer e manter o nossas energias em equilíbrio.

O objetivo deste trabalho é auxiliar pessoas que de alguma forma estejam envolvidas em atividades de cura .Procurarei colocar aqui um pouco da minha experiência na expectativa de que outras pessoas possam vir a beneficiar-se dela.

CRISTAIS

O uso dos Cristais e pedras:

Os cristais e pedras, tanto brutos como lapidados, agem doando e absorvendo energias. Por esse motivo é importante que não descuidemos de sua limpeza e energização.

Programação: está relacionada com a absorção de energia.

Meditação com os cristais envolve:

-memória armazenada no cristal.

-focalização da atenção.

-no sentido esotérico, a conectação com as forças cósmicas.

-é também um agente facilitador da relaxação.

Remédios: É possível fazer-se remédios usando para isso os cristais (são os elixires de cristais).Para fazê-los, procede-se da seguinte forma:

-na água: água pura e pedra limpa. Deixar a noite por 12 horas. O uso deve ser imediato, pois não leva conservante.

-no álcool de cereais: Deixar por 12 horas durante o dia, sem pegar sol direto. Este se conserva mais tempo, pois o álcool age como conservante. Usa-se pingar 4 gotas na água, 4 vezes ao dia.

DESCRIÇÃO E USO DOS QUARTZOS

Começaremos falando sobre o quartzo, pois dentre todas as rochas, o quartzo é uma das preferidas por todos os terapeutas, pois se trata de uma das formações mais completas para uso em cura.

QUARTZO:

Composição química:

Sua composição química é, basicamente, o óxido de silício ou sílica, uma das substâncias mais comumente encontradas na superfície de nosso planeta. Mas apesar disso são enormes as variações sob as quais ele se apresenta.

Variedades do quartzo:

O quartzo pode se apresentar sob variados aspectos, os quais passam a ser conhecidos por nomes diversos, como se houvessem adquirido identidade própria. Na verdade, essas variações são causadas por inclusões minerais na sua composição.

O quartzo passa a ter, então, as seguintes denominações:

Ágata ,crisoprásio, olho de tigre, ametista, cristal de rocha, ônix, aventurina, heliotrópio, opala, calcedônia, jaspe, prásio, citrino, olho de falcão, quartzo róseo, cornalina, olho de gato, quartzo enfumaçado ou fumê

CRISTAL DE ROCHA:

Na Antigüidade acreditava-se que o cristal de rocha era um gelo eterno (do grego krystallos: gelo).

Transparência:

Incolor, podendo ser mais ou menos transparente. Alguns apresentam inclusões de outros minerais, como ouro, rutilo, pirita, turmalina, goethita (quartzo astérico, o qual parece conter uma estrela em seu interior)

Sistema Cristalino:

Hexagonal (6 faces).

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Transparente.

Atuação e Uso:

É o quartzo que apresenta a maior variedade de usos.

Atua, principalmente, no chacra coronário.

Por sua capacidade de permitir que a luz branca o atravesse e se decomponha em todas as cores, ele atua reequilibrando e suprindo todo o organismo dos elementos dos quais este necessita.

Na aura ele atua limpando-a.

Ele harmoniza as energias circulantes em nosso corpo, pois age desbloqueando os canais por onde essas energias circulam. Em função dessa propriedade ele contribui facilitando a concentração e a meditação.

Quando usado junto com outra pedra ele amplia as propriedades desta.

QUARTZO ENFUMAÇADO OU FUMÊ:

Equivocadamente também chamado de topázio enfumaçado.

Coloração:

Sua coloração varia do marrom claro ao escuro, podendo apresentar-se também nas cores cinza ou negra. Sua cor deve-se a inclusão de impurezas (geralmente ferro, carbono e titânio).

Sistema cristalino:

hexagonal

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

transparente.

Atuação e uso:

A energia do qurtzo fumê está sintonizada com as energias da Terra por este motivo seu uso destina-se, principalmente, ao primeiro chacra. Ele estimula nosso instinto de sobrevivência ao fazer com que percebamos e amemos nosso próprio corpo (uma das funções do primeiro chacra). Ao agir assim ele está trazendo o sentimento do amor do chacra cardíaco para o chacra básico, permitindo que tenhamos capacidade de eliminar as emoções negativas e desnecessárias.

Ele age de forma semelhante à influência saturnina, que nos leva a descartar tudo que não seja mais necessário. Ele permite que desenvolvamos o desapego, qualidade indispensável para que possamos nos beneficiar da verdadeira luz que nos cerca.

QUARTZO ROSA:

Coloração:

Rosa forte ou pálido. Sua coloração é dada pela inclusão do manganês.

Sistema Cristalino:

Hexagonal.

Composição química: Óxido de silício.

Transparência:transparente, translúcido.

Atuação e uso:

É uma das principais pedras usadas no chacra cardíaco.

Atua fundamentalmente no campo emocional. Nos momentos em que precisamos de ajuda para curar mágoas antigas que foram guardadas, mas que deixaram cicatrizes que continuam de alguma forma nos fazendo sofrer, esta variedade de quartzo nos oferece uma ajuda valiosa, pois a sua principal característica é nos deixar envoltos por uma atmosfera de paz e harmonia, permitindo que percebamos nossa capacidade de auto-aceitação e perdão quando então estaremos aptos a sentir amor e respeito por nós mesmos.

O quartzo rosa atua junto ao coração, e, por extensão, também atua no sistema circulatório, assim como junto aos órgãos reprodutores, os quais podem tornar-se mais saudáveis e com maior capacidade de nos ajudar a sintonizar com nossas energias de amor.

Quando nos dispomos a usar o quartzo rosa, precisamos estar preparados para vivenciar todas as emoções que ele irá despertar em nós, emoções essas que precisam ser entendidas para nosso próprio crescimento e amadurecimento espiritual.

AMETISTA:

Coloração:

Apresenta uma variação de cor que vai do violeta ao lilás, passando pelo vermelho púrpura. Sua coloração deve-se a inclusão de ferro e manganês em sua composição.

Sistema cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

transparente

Atuação e uso:

Embora sua área de atuação seja principalmente o sexto e o sétimo chacras, ela pode ser usada em qualquer outra parte do corpo em que suas energias se tornem necessárias.

Atua no sistema nervoso, no sistema imunológico, no processo criativo, aumenta a capacidade de memória, ajuda no controle metabólico, ajuda a vencer o medo e a ansiedade.

Atua também estimulando a elevação espiritual, o amor a Deus.

A ametista purifica não apenas nosso corpo físico, mas também as nossas vibrações, fazendo com que nos tornemos mais conscientes de nossa participação num Todo Maior, fazendo com que nos apercebamos de que existe um poder cósmico do qual tudo emana.

Ela amplia nossos sentimentos humanitários e desenvolve nosso lado místico.

AVENTURINA ou QUARTZO VERDE:

Coloração:

Verde, parda dourada, irisada. Sua coloração é dada pela inclusão de minerais no quartzo, o que vai lhe proporcionar algum brilho. A mica torna-a acobreada, a mica de cromo torna-a verde.

Sistema Cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Translúcido, opaco.

Atuação e uso:

Equilibra as emoções e o corpo físico. Ela atua tanto no corpo físico, como também no mental e no emocional.

Como todas as pedras verdes, esta também possui um enorme poder de cura.

Ela pode ser usada em quase todos os tratamentos físicos. O verde é uma cor de equilíbrio. As pedras dessa cor atuam a nível de coração, rins, nas infecções como gripes, nas nevralgias, enxaquecas, além de normalizar a pressão arterial.

Sua cor verde permite que o raio verde da cura atue tanto no corpo físico quanto na aura.

Ajuda a neutralizar as emoções reprimidas. Em épocas de grande desgaste físico ou emocional ajuda no reequilíbrio de nossas energias.

Ajuda a acalmar as emoções.

CITRINO:

Muitas vezes é confundido com o topázio.

Coloração:

É um quartzo amarelo claro, até pardo dourado, que contem ferro em sua composição.

Sistema cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Transparente.

Atuação e uso:

É mais usado no chacra do umbigo.

Ele estimula a atividade física, aumenta a disposição, ajuda à digestão, desintoxica o sangue. Aumenta a autoconfiança, permitindo que nos sintamos mais calmos e com melhores condições de tomar decisões e aceitar com otimismo os problemas ligados a nossa rotina.

O Cirino ajuda também a preservação de nossas energias, evitando que tenhamos uma perda energética acentuada em situações desgastantes.

Sua vibração de cor amarela fortalece o nosso campo energético, transmitindo sua luz dourada para nosso campo áurico.

QUARTZO OLHO DE FALCÃO:

Coloração:

Sua cor é verde azulado ou azul acinzentado tendo a superfície opalescente.

Sistema cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Opaco.

Atuação e uso:

Usado principalmente no chacra básico.

Este quartzo leva-nos a uma percepção mais realista em nossas situações cotidianas. Ele também irradia energias curativas,que atuam neutralizando as energias causadoras de doenças.

QUARTZO OLHO DE GATO:

Coloração:

Pode se apresentar nas cores branca, cinzenta, verde, amarela, parda.Contem magnésio em sua composição.

Sistema cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Translúcido, opaco.

Atuação e uso:

Pode ser usado nos casos de asma.

QUARTZO OLHO DE TIGRE:

Coloração:

Varia do amarelo ao marrom com reflexos dourados.

Sistema cristalino:

Hexagonal.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Opaco.

Atuação e uso:

Ele está sintonizado com as energias da Terra (pela sua cor marrom), mas influenciado pela luz dourada, conduz a luz do chacra da coroa para assentá-la no corpo físico.

Usado no chacra do umbigo, leva-nos a tomar consciência de nossa própria força interior, desenvolvendo nossa autoconfiança.

Sua iridescência nos ajuda a encontrar o melhor caminho quando estamos em dúvida quanto a uma decisão a ser tomada.

Atrai também para nós os bens materiais da Terra.

É indicado também para pessoas que têm dificuldade em transformar em realidade seus sonhos e projetos.

CALCEDÔNIAS:

No grupo das calcedônias existem vários tipos de quartzos, dentre os quais podemos citar:

ágatas

calcedônia verdadeira

cornalina

crisoprásio

heliotrópio

jaspe

ônix

sardo.

ÁGATA:

Coloração:

Sua coloração é variável, em faixas ou camadas.

Sistema cristalino:

Hexagonal, agregados microcristalinos.

Composição química:

Óxido de silício.

Transparência:

Translúcido, opaco.

Atuação e uso:

Dentre as suas propriedades estão: aguçar a visão, iluminar a mente, fortalecer o coração, estimular a coragem, aumentar a auto-estima, melhorar a suscetibilidade.

ÁGATA ALARANJADA:

Atua acalmando nossas emoções e a medida que isso ocorre, ela cria condições para que possamos examinar com mais clareza os problemas que nos preocupam.

ÁGATA CINZENTA:

Atua no sistema circulatório e pele. Ajuda o corpo a absorver oxigênio mais rapidamente. Também age nas depressões.

ÁGATA MUSGOSA:

Atua no sistema circulatório, alivia a depressão. Ajuda a tomarmos consciência de nossas intuições. Age também canalizando a criatividade. Aumenta a vitalidade.

CALCEDÔNIA VERDADEIRA:

Coloração:

Suas cores são azul, branca ou cinzenta.

Atuação e uso:

Sua ação é, principalmente, ao nível do baço (englobando aí o sangue e o aparelho circulatório). Atua na visão, vesícula biliar, ossos.

É purificadora de ferimentos. Ela possui a capacidade de se autolimpar de emanações absorvidas durante seu uso em tratamentos. Sua ação de purificação age também ao nível emocional, permitindo que o indivíduo possa, através da reflexão e auto análise, reagir de maneira mais positiva e harmoniosa. Por suas qualidades de purificação e limpeza, é uma boa pedra para ser usada por terapeutas ou quaisquer profissionais cuja atuação envolva lidar com pessoas.

A Calcedônia branca também é chamada de pedra-mãe, pois muitas vezes ela se apresenta envolvendo outras rochas, cobrindo-as tal como uma casca, ou mesmo preenchendo cavidades, daí podermos encontrá-la muitas vezes junto com outras pedras. Por isto atribui-se a ela a propriedade de intensificar o instinto materno e estimular a lactação.

CORNALINA.

Coloração:

É uma variedade de Calcedônia de cor avermelhada ou vermelha acastanhada.

Atuação e uso:

A Cornalina tem forte sintonia com a Terra, fazendo com que quem a use sinta-se bastante ligado a este elemento. Por este motivo, ela influencia a fertilidade.

Também age no fígado, sangue e parte inferior das costas.

Estanca sangramentos, protege contra infecções, cicatriza feridas abertas.

Atua contra angústias, melancolia, reumatismo e nevralgia.

Ela confere autoconfiança, sendo, portanto útil para aqueles que precisam de um estímulo para tentar novas experiências, novos caminhos. Por reforçar a autoconfiança, ela pode ser também usada na meditação, quando permite que nos desliguemos de pensamentos desnecessários ao fim a que nos propomos.

CRISOPRÁSIO:

Coloração:

Variedade de Calcedônia de cor verde-maçã. Sua cor é devida ao níquel.

Atuação e uso:

O Crisoprásio ajuda a trazer a consciência aquilo que estava a nível inconsciente.

Acalma, diminui o egoísmo e permite que a pessoa participe mais de seu meio ambiente.

Estimula a criatividade. Aumenta a percepção. Ajuda nas doenças mentais.É boa para a vista. Ajuda nos partos.

HELIOTRÓPIO:

Coloração:

É uma Calcedônia opaca, verde escura, com manchas vermelhas.

Atuação e uso:

Atribui-se a ela a propriedade de fortalecer o sistema circulatório, desintoxicar os rins, fígado e baço.

Estimula a coragem, o altruísmo e a solidariedade.

JASPE:

O nome jaspe tem origem grega e significa “pedra manchada”. Estas manchas que o caracterizam podem ser de variadas cores.

Coloração:

Pode ser amarelo, vermelho, verde, marrom.

Atuação e uso:

Suas propriedades terapêuticas variam em função da cor.

Amarelo: energético e bom purificador das glândulas endócrinas.

Verde: usado nos distúrbios do aparelho digestivo, nos órgãos de limpeza. É bom também para apagar lembranças do passado que possam estar impedindo o crescimento no presente.

Vermelho: tem atuação junto ao sistema circulatório e órgãos purificadores como o fígado.

Marrom: por estar ligado as energias da Terra, estimula a concentração e também o próprio equilíbrio.

Atua junto ao sistema imunológico e na extração dos poluentes e toxinas encontrados no organismo.

É bom também para as erupções cutâneas, pois age limpando e purificando.

ÔNIX:

Coloração:

Sua cor varia do preto ao branco, podendo ter camadas estriadas de vermelho, marrom amarelo ou rosa; pode também ser translúcido.

Atuação e uso:

O ônix desenvolve a autoconfiança. Por ser uma pedra relacionada a Saturno, ela tem atuação junto aos ossos, dentes e pele.

Ajuda a concentração. Melhora o equilíbrio.

Deve ser usado do lado esquerdo do corpo; e, no caso de anel, no terceiro dedo da mão esquerda.

OPALA:

A origem de seu nome e uma palavra sânscrita, upala, que significa pedra preciosa.

Composição química: Óxido de silício hidratado.

As Opalas apresentam-se sob três tipos: opalas nobres, opalas de fogo e opalas comuns.

Sua característica principal é uma irisação em forma de arco íris, que varia dependendo do ângulo pelo qual se olha.

Elas contem água (30%). Entretanto esta água pode se perder com o tempo, fazendo com que a opala perca um pouco de seu brilho e opalescência. Se a guardarmos envolvida por um algodão úmido, impedimos seu envelhecimento e realçamos seu jogo de cores.

A opala não é muito usada em terapia, a não ser que se pretenda intensificar o estado emocional do paciente. Por seu alto teor de água, ela age junto às emoções, fazendo com que estas se manifestem de forma bastante aumentada (tanto as emoções positivas quanto as negativas). Somente deverá ser usada por aqueles que sabem lidar e compreender suas próprias emoções.

Além dos cristais de quartzo, existem muitas outras rochas que podemos usar em terapia. As mais comumente empregadas são:

GRUPO DO BERILO

ÁGUA MARINHA:

Coloração:

azul, podendo ser clara e também esverdeada.

Composição química: Silicato de alumínio e berilo.

Atuação e uso:

A água marinha estimula o funcionamento do chacra da garganta.

As estrias longitudinais que ela apresenta ajudam a conduzir a energia entre dois pontos; talvez seja este o motivo pelo qual ela aumenta a criatividade, a intuição, ajudando-nos a melhor interpretarmos nossas emoções.

Ela acalma a mente e alivia o stress. Reduz o medo.

Também fortalece os órgãos purificadores, tais como fígado, baço, tireóide, rins.

Atua junto ao estômago e olhos.

É utilizada para melhorar a inchação dos pés.

Em relação aos ambientes, ela age diminuindo a negatividade, acalmando e harmonizando.

ESMERALDA:

Coloração:

Verde, podendo variar em tonalidades que vão do verde claro ao escuro, passando pelo verde amarelado.

Atuação e uso:

Atua no chacra cardíaco, relaxando-o e expandindo-o

Ela desenvolve o equilíbrio físico, emocional e mental.

É uma pedra importante para ser usada ­por terapeutas e curadores, pois além de suas propriedades curadoras, ela desenvolve também a paciência, tão necessária aqueles que estejam de uma forma ou outra envolvidos com o próximo.

A esmeralda melhora o sistema imunológico.

Fortalece a memória. Ajuda a curar a insônia.Fortalece a visão. Normaliza a pressão arterial. Alivia a tensão nervosa..

MORGANITA:

Coloração:

Rósea a violeta claro. Também é conhecida como berilo rosa.

Atuação e uso:

Atua junto ao sistema nervoso, acalmado-o e purificando-o.

CORÍNDON:

SAFIRAS:

Coloração:

Azul (diversos tons), incolor, rósea, alaranjada, amarela, verde, violeta, negra.

Sistema cristalino:

Hexagonal com duas pontas (em forma de tonel), pirâmide de 6 lados, tabular.

Transparência:

Transparente, opaco.

Composição química: Óxido de alumínio.

As variações de cores são dadas pela inclusão de:

Ferro e titânio na safira azul.

Vanádio na violeta.

Cromo na cor de rosa.

Ferro em baixa quantidade nas cores verde e amarela.

Atuação e uso:

Depressão ou confusão mental.Dificuldade de concentração. Ao diminuir o stress e a tensão, ela ajuda a restaurar o equilíbrio perdido.

Também atua nos olhos.

A safira azul escura é excelente para febres, neuroses e doenças provocadas por perturbações dos nervos, inclusive asma.Insônia, úlceras.

A safira rosa-violácea encoraja o amor altruísta.Usada com a safira azul escura estimula uma visão mais humana da vida.

A safira alaranjada diminui o egoísmo. Ela atua principalmente no baço. Reduz a irritabilidade e induz a que se pense antes de agir.

Hemorragias: nas hemorragias nasais, colocar na testa.

Na meditação, para aumentar a devoção.

Serve de defesa contra a magia negra.

Atrai as pessoas boas.

RUBI:

Coloração:

Vermelha. Sua cor avermelhada é dada pelo cromo e , às vezes , um pouco de ferro.

Sistema cristalino: hexagonal, prismas de 6 faces, romboedros.

Transparência: Opaco, translúcida, transparente.

Composição química: Óxido de alumínio.

Atuação e uso:

O rubi aumenta a intuição e estimula o pensamento. Estimula a coragem, a energia, a paixão e a vitória. Combate a preguiça e a melancolia. Fortalece o coração e o sangue. Acalma dores.

Estimula o amor desinteressado, inclusive o amor a si próprio.

GRANADA:

Seu nome deriva do latim “grão”.Inclui vários minerais de composição química semelhante: piropo, almandina, espessarita, grossulária, andradita, uvarovita.

Coloração:

Vermelha, alaranjada, amarela, verde, negra, verde amarelada.

Transparência:

ransparente, translúcida.

Composição química:

São basicamente compostas por alumínio, silício e oxigênio, manganês e ferro.

Atuação e uso:

No tratamento de artrite e outras conseqüências da calcificação. Desperta no doente a vontade de se curar. Combate os maus pensamentos e a depressão. Infecções e doenças da pele. Melhora a circulação sangüínea. Melhora a concentração em crianças hiperativas.

Estimula a autoconfiança, o orgulho e a imaginação. Na meditação confere paz, calma e alívio dos problemas materiais. As granadas aumentam a auto- percepção. Auxiliam a acalmar a raiva, inclusive contra si próprio. Facilita a expressão das emoções. Ajuda a sintonizar a energia do coração e a ter controle de sua sexualidade.

OUTRAS PEDRAS USADAS:

HEMATITA:

Coloração:

Cinzenta como o aço ou preta como o ferro.

Sistema cristalino:

Hexagonal, cristais tabulares.

Transparência: opaca.

Composição química: Óxido de ferro.

Atuação e uso:

Atua nos órgãos purificadores do sangue (fígado, rins e baço). Pode ser usada para pulso rápido, olhos injetados, úlceras, cãibras nas pernas. Excelente para anemia. A pedra pode ser colocada sobre os órgãos purificadores ou sobre áreas de circulação deficiente.

LÁPIS-LAZULI:

Trata-se de uma das pedras consideradas de poder No antigo Egito era considerada como pertencente aos deuses e mensageiro dos céus.

Coloração:

Sua cor é de um azul profundo, com pontos dourados de pirita e, às vezes, pontos brancos de calcita.

Sistema cristalino:

Isométrico (cúbico), cristais raros, geralmente agregados densos, granulares.

Transparência: opaca.

Composição química: Silicato de alumínio e sódio com enxofre.

Atuação e uso:

O Lápis-Lazuli é considerado um purificador, tanto mental, como espiritual. Colocada na área do “terceiro olho”, ela consegue penetrar através dos bloqueios subconscientes, permitindo o contato com a mente intuitiva. Estabiliza o poder da mente, permitindo a atuação da força espiritual. Ajuda na liberação de feridas emocionais profundas, permitindo que estas venham à tona e possam ser curadas.

O lápis-lazuli pode ser usado para problemas respiratórios (de garganta, pulmões). Para os órgãos de limpeza. Sistema nervoso. Sistema imunológico. É aconselhável, ao usá-lo para cura, que usemos junto a ele outra pedra curativa específica

MAGNETITA:

Coloração:

É uma pedra marrom escura ou cinzenta.

É magnética.

Atuação e uso:

Ela estimula um órgão “preguiçoso” ou acalma um órgão hiper-ativo.

Ajuda a corrigir o alinhamento da coluna, aliviando assim dores de cabeça e das costas.

OBSIDIANA:

Na verdade não e uma pedra, mas uma forma de vidro natural, de origem vulcânica. Pode ser encontrada nas cores preta, verde, cinzenta.Há também uma qualidade de obsidiana, encontrada nos EEUU, que apresenta “flocos” acinzentados, dando um efeito de flocos de neve.

Esta associada ao primeiro chacra.Quando colocada no centro desse chacra, atrai as energias dos chacras superiores para o corpo físico. Ela tem a capacidade de atrair, refletir e reter uma grande quantidade de luz.

E recomendável ao usa-la em trabalho de cura, juntar a ela um cristal de quartzo, o que polarizara a sua luz e também dissolvera e neutralizara quaisquer bloqueios.

Ela poderá também ser colocada nas virilhas ou no umbigo, para assentar as energias superiores no corpo.Também pode ser colocada ao longo da linha central do corpo, para equilibrar os meridianos.

Seu uso beneficia pessoas dispersas e também as emotivas.Também ajuda aquelas pessoas que são lentas demais e também aos que “vivem nas nuvens”. Ela ajuda a construir as bases para que os devaneios se tornem realidade.

MALAQUITA:

Coloração:

Varia do verde claro ao verde escuro e geralmente sua aparência e matizada.

Composição: é, basicamente o cobre.

Atuação e uso:

Uma das suas principais qualidades é a de relaxar e diminuir a dor.Trata-se de uma pedra que absorve a energia negativa e traz à tona suas causas psíquicas e emocionais.Por esse motivo é muito importante limpá-la após cada uso.Isto pode ser feito colocando-a sobre um agregado de quartzo por, no mínimo, três horas ou através do processo tradicional.

Embora ela atue em qualquer parte do corpo, sua principal área de atuação é junto ao plexo solar, para desbloquear emoções reprimidas. Nesse local ela vai liberar a tensão, melhorando conseqüentemente, a respiração, o que permitirá que haja um maior equilíbrio de energia circulante no corpo.

Muitas vezes ela é encontrada associada à azurita ou à crisocola.

AZURITA:

Sua composição é semelhante à da malaquita.

A combinação dessas duas pedras acentua seu poder de cura.

Sua ação se fará notar nos estados de ansiedade e depressão. O azul acalma a tensão, enquanto o verde cura.

Colocada no terceiro olho, ajuda a trazer à lembrança emoções e sentimentos passados, permitindo que esses sejam liberados, o que facilitará o processo de cura.

CRISOCOLA:

Também é composta basicamente de cobre.

É usada no tratamento de artrites e outras doenças ósseas, nas úlceras e doenças do aparelho digestivo. Alivia a hipertensão.

Ajuda a desenvolver a autoconfiança.

É útil nos males da garganta e pulmões.

No plano espiritual defende dos ataques de energias negativas.

Se usada no terceiro olho, acalma os padrões negativos do pensamento.Pode também ser colocada uma no terceiro olho e outra no plexo solar, quando então mente e corpo entram em alinhamento, facilitando a comunicação.

TURQUESA:

Sua composição inclui fosfato de alumínio, potássio e cobre

Sua coloração vai do azul celeste ao azul acinzentado, podendo também ser esverdeada.

Ela pode estar unida à malaquita e à crisocola.

Na cura física ela é benéfica para todo o corpo, mas principalmente para o sistema imunológico e respiratório.

Deve ser usada por aqueles que querem se comunicar. Ela nos ajuda também a entender como as coisas funcionam e onde nos encaixamos.

Aos curadores ela auxilia no entendimento da energia de seus pacientes.

SODALITA:

Sua composição é silicato de sódio e alumínio com cloro. Sua cor é azul.

Ela pode provocar enormes mudanças nas atitudes pessoais.

Ela estimula a objetividade nas atitudes e pensamento.

No físico ajuda a equilibrar o metabolismo, estimula o sistema imunológico e os órgãos de limpeza.

Segundo alguns, ela ajuda no combate as radiações, sendo por isso aconselhada para aqueles que lidam com Raio-X ou material radioativo.

É boa também para pessoas hipersensíveis, pois estabiliza o poder mental, permitindo a mudança do emocional para o racional.

CIANITA:

Pode ser azul, azul esverdeada ou incolor.

Sua composição química é silicato de alumínio.

Esta pedra apresenta veios. Todas as pedras que apresentam veios são ótimas condutoras de energia.

Sua área de atuação é o quinto chacra.

Ela aumenta a clareza mental, melhora a comunicação entre as pessoas.

Trata-se de uma boa pedra para ter-se sobre a mesa de trabalho.

ESTIMULADORAS DA MENTE (Fluorita, Calcita e Pirita):

FLUORITA:

É composta por fluoreto de cálcio.

Sua cor pode ser: incolor, vermelha, alaranjada, amarela, verde, azul, violeta.

Auxilia a combater os distúrbios mentais e a proporcionar o despertar espiritual.

Aumenta a intuição.

Ajuda nos casos de artrite, reumatismo e doenças da coluna.

CALCITA:

Sua coloração pode ser: branca, cinza, vermelha, verde, laranja, azul, marrom e preta.

Possui propriedades que atuam junto aos órgãos de limpeza, ossos, juntas e também estimulam a mente e a memória. Ajuda crianças com dificuldades escolares.

PIRITA:

Contem ferro em sua composição. Ela se forma em grupo de cubos de aparência metálica.

Sua cor vai do dourado ao acobreado.Por causa de sua aparência, os desavisados podem confundi-la com o ouro.Daí ser conhecida como o “ouro dos tolos”.

Ela beneficia o sistema circulatório e respiratório. Protege a pele de elementos estranhos e também o aparelho digestivo. Melhora ­a capacidade mental. Reduz a ansiedade e frustração. Estimula a criatividade. Estabiliza as energias do ambiente.

Segundo alguns atrai dinheiro para seu proprietário.

Essas três pedras devem ser usadas juntas no terceiro olho, a fim de estimular a mente.

TURMALINAS:

As turmalinas são, talvez, as gemas que possuem maior variedade de cores.

Ela pode ser incolor, rósea, vermelha, amarela, verde, azul, roxa, preta, multicolorida.

A turmalina é altamente purificadora. Ela retira os elementos causadores de perturbações e ao mesmo tempo dissipa os efeitos negativos que estes elementos poderiam estar causando. Ela traz calma. Sua ação purificadora age num ponto específico, mas também atua de forma global. Age no campo espiritual, pois faz com que nos apercebamos de nossas emoções mais guardadas.

TURMALINA AZUL ou Indigolita ou Indicolita:

Sua principal característica e a de canalização de paz para a Terra.

Usada no sexto chacra ajuda a acalmar a mente; no quarto chacra vai atuar abrandando as emoções; no quinto chacra facilita a expressão verbal. Seu uso é excelente para problemas de garganta, tireóide, rouquidão e outros males desta região. Afirma-se que a indigolita tem uma natureza religiosa, e que seu propósito e o de fazer com que cada pessoa compreenda sua própria espiritualidade.

TURMALINA NEGRA:

Ela tem a capacidade de desviar as energias negativas sem absorvê-las. Por esse motivo atua como um escudo protetor quando por alguma razão precisarmos estar em ambientes negativos ou lidar com pessoas negativas. Ela também neutraliza as nossas próprias energias negativas. Ela sutiliza as energias. Ela conduz a energia dos chacras superiores aos inferiores Ela assenta as energias espirituais.

Em casos de bloqueios, tanto no corpo físico como na aura, pode-se girar um bastão de turmalina negra no sentido anti-horário sobre a área afetada, a fim de que o bloqueio seja dissolvido.

Esta qualidade de turmalina é um auxiliar inestimável nos casos de doenças debilitadoras e crônicas.

Às vezes ela pode ser encontrada incrustada no quartzo (quatzo turmalinado). Neste caso ela vem nos ensinar a lição da convivência, pois faz com que nos apercebamos de que é possível podermos harmonizar nossos conflitos interiores.

TURMALINA ROSA ou RUBELITA:

Como quase todas as pedras cor-de-rosa, a rubelita atua no chacra cardíaco, suavizando as emoções. Ajuda aquelas pessoas que sentem medo de amar, pois estimula o desejo de compartilhar as emoções. Ela estimula a auto-aceitaçao e o conseqüente aumento da auto-estima. Ajuda a dissolver mágoas antigas, fazendo com que a pessoa fique novamente apta a sentir amor.

TURMALINA VERDE:

Considerada uma das pedras de maior poder de cura.

Ela ajuda a equilibrar todo o corpo, beneficiando o sistema nervoso, cérebro e sistema imunológico. Atua no equilíbrio eletro-químico do corpo. Absorve a luz, transmitindo-a para o corpo de quem a estiver usando. Acalma, facilitando assim a concentração. Possibilita a canalização de maior força espiritual. Alivia a fadiga e exaustão.Tem ação regeneradora e rejuvenescedora. Atrai abundância e prosperidade para quem a usa. Pode ser usada para selar “buracos na aura”. Aumenta a criatividade.

Além de todas essas propriedades, pode ainda ser usada em asma, gripes, inflamações, problemas cardíacos, pressão arterial alterada.

Os bastões de turmalina devem ser conduzidos ao longo das linhas dos meridianos e nervos ajudando no seu reequilíbrio.

TURMALINA MELANCIA (verde e rosa):

Trata-se da combinação perfeita para o quarto chacra Enquanto o verde age no plano físico, o rosa age a nível emocional.

Dissolve as mágoas do passado e simultaneamente prepara para o futuro, ajuda a transformar a tristeza em otimismo.

TOPÁZIO:

Suas cores podem ser: incolor, amarela, vermelha, acastanhada, azul clara, rosada, verde pálido. A cor mais freqüente e o amarelo.

Sua composição química e silicato de alumínio fluorado.

Terapeuticamente pode ser usado para recarregar e aumentar o nível de energia de quem o usar. Ele também ajuda a relaxar e diminuir a tensão.

O topázio amarelo é excelente para ser usado no chacra do umbigo.É uma boa pedra para ser usada por aquelas pessoas que se encontram desmotivadas e sem energia. Possibilita que descubramos nossos objetivos, ao mesmo tempo em que facilita o caminho para que possamos alcançá-los. Ele aumenta nossa generosidade.

RODOCROSITA (Ou Rosa inca):

É composta principalmente de manganês.

Sua cor é rosa avermelhada com estrias brancas e escuras.

E uma ótima pedra para os que sofrem de asma ou doenças respiratórias. Ela transmite uma sensação de calma; age filtrando as substâncias irritantes que dificultam a respiração.

Purifica o sistema circulatório, rins e outros órgãos de limpeza. É antidepressiva, rejuvenescedora, estimula a força vital, diminui a negatividade e melhora a qualidade do sono.Incentiva o pensamento criativo.

Sua principal função é desobstruir os bloqueios do plexo solar, permitindo assim a integração das energias física e espiritual.

A Rodocrosita atua tanto a nível físico como emocional. Em conjunto com a Malaquita, age harmonizando as emoções que a malaquita trouxe à tona.

RODONITA:

Sua composição também é manganês.

Sua cor é rosa forte com inclusões negras.

É recomendada para traumas, confusões e falta de confiança.

Ajuda o crescimento dos ossos e atua no sistema auditivo.

Atua junto à Tireóide, pois através do manganês estimula a função hormonal dessa glândula.

Diminui a irritabilidade e o cansaço.

Estimula a compaixão, harmonia e sensibilidade.

KUNZITA:

É composta de lítio e alumínio. A medicina moderna tem usado o Lítio no tratamento de distúrbios psiquiátricos.

Sua cor é rosa clara ou violeta clara.

Sua ação principal e junto ao chacra do coração, desobstruindo-o e ampliando sua capacidade de expressar amor.

Sua ação é calmante. Ela cria equilíbrio entre a mente e o coração. Estimula o amor próprio, possibilitando a expressão de sentimentos de alegria e felicidade.

É uma pedra muito boa para ser usada por crianças com dificuldades de adaptação a vida. Nesses casos ela age limpando e purificando a aura de vibrações negativas.

HIDENITA:

Composta de lítio e manganês.

Exceto por sua cor, que é de um verde muito claro e suave, é muito semelhante à Kunzita.

Sua ação , também é semelhante à da Kunzita. Age como purificadora e nos problemas digestivos.

PEDRA DA LUA:

É composta de alumínio e potássio.

É uma pedra clara, azulada, amarelada ou cinza.

Seu nome tem relação com sua cor branca azulada.

Ela age principalmente nas emoções. Entretanto, é recomendável cuidado no seu uso, pois ela tanto amplifica as emoções positivas quanto as negativas. Ao usá-la em cura, é necessário que o Terapeuta esteja preparado para ajudar seu paciente a lidar com as emoções que forem despertadas por ela. É importante que, uma vez despertadas essas emoções, sejam elas trabalhadas pela mente.Uma Kunzita no chacra cardíaco ajuda esse processo.

A Pedra da Lua desperta o lado feminino, intuitivo, emocional das pessoas. Ela aumenta a sensibilidade, intuição e clarividência.

Em épocas nas quais estejamos com as emoções muito ativadas (como por exemplo, durante o ciclo menstrual feminino) devemos evitar o uso da Pedra da Lua. Nos homens ela ajuda a despertar seu lado sensível e emocional.

PEDRA DO SOL ou FELDSPATO AVENTURINO:

É composta por sódio, cálcio e alumínio.

Sua cor é alaranjada, vermelha, parda, cintilante.

Sua ação é tonificante. Beneficia o sistema nervoso, o estado geral da mente.

Pode ser usada em qualquer parte do corpo.Possui qualidades de equilibrar as energias.

AMAZONITA:

É um feldspato.

Em sua composição entram o alumínio e o potássio.

Sua cor e verde.

Possui propriedades calmantes. Ajuda na expressão de idéias. Segundo alguns, amplia os atributos masculinos.

APATITA:

Contem flúor e cálcio.

Sua cor pode ser rósea, amarela, verde, azul, violeta ou incolor.

Beneficia o tecido muscular e as funções motoras. Alivia a hipertensão.Clareia o pensamento.

PERIDOTO ou OLIVINA ou CRISOLITA:

Sua composição é à base de ferro e magnésio. Sua cor é amarelo esverdeado, verde-oliva.

Aumenta a autoconfiança e energia afirmativa (às vezes rápido demais). Libera e traz a tona toxinas, neutralizando-as, contribuindo assim para a limpeza mental. Estimula a regeneração dos tecidos. Atua no estômago. Pelo seu tom amarelado, ele atua junto ao plexo solar e umbigo. Ajuda a equilibrar as glândulas endócrinas. Ele afeta as emoções, curando mágoas, inveja e raiva.

Como o amarelo está relacionado com a mente e com o intelecto, o Peridoto pode estimular essas áreas.

JADE (JADEÍTA e NEFRITA):

Jadeíta e Nefrita são minerais diferentes, mas comumente chamados de Jade.

JADEÍTA:

Composição: alumínio e sódio.

Sua cor é verde, branca, vermelhada, amarela, parda, violeta, negra.

NEFRITA:

Composição: cálcio, magnésio e ferro.

Suas cores são as mesmas do jade.